"Perdido na viagem de regresso" exposição de Rui Matos na Paços Galeria Municipal, entre 20 Janeiro e 04 Março, em Torres Vedras

"Perdido na viagem de regresso" exposição de Rui Matos na Paços Galeria Municipal, entre 20 Janeiro e 04 Março, em Torres Vedras

A exposição de escultura do artista Rui Matos vais estar disponível nos período indicado, entre as 9:30 e as 19:00, de segunda a sábado, e das 10:00 às 18: com interregno para almoço entre as 13 e as 14:00 aos domingos, na Paços - Galeria Municipal, na Praça do Município (antiga Câmara), em Torres Vedras.

“Todo o trabalho que tenho desenvolvido em escultura parece querer contar uma história. Não a história de factos que aconteceram ou o que a memória guardou da realidade, mas uma história sobre outras histórias. Sendo a escultura um corpo e não uma imagem então essa história ficcionada ganha uma presença bem real.”

Rui Matos
Nasceu em Lisboa em 1959. Vive e trabalha próximo de Sintra.
Nos anos 80 frequentou o Curso de Escultura da Escola Superior de Belas Artes de Lisboa.
Foi bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian em 1993.
Em 1987 realiza a primeira exposição individual “Órgãos e Artefactos” em Lisboa com esculturas em ardósia. Segue-se “Primeira Ilha” e “Mediterrâneo” com esculturas em gesso-bronze. A primeira exposição em pedra é de 1991 “Enormidade Sequência e Naufrágio” a que se segue “Transformações-Relatos Incertos”, “Objectos de Memória” e “Histórias Incompletas”.
Em 2008 começa a trabalhar em ferro com as exposições “A Pele das Coisas”, “Transformo-me naquilo que toco“, “Por Dentro”, “Transmutações”.

Login to post comments

O Estado do Tempo em Torres Vedras

News Letter

Subscreva a nossa  News Letter para receber as noticias que publicamos "na hora"...

Estão Online:

Estamos 429 Visitantes e 23 Membros Online

 

revista generalista

Torres Vedras

região Oeste e norte de Lisboa